Bolsa: Banca espanhola em queda com decisão judicial

Supremo Tribunal espanhol passa para os bancos os custos com a realização de hipotecas

Fleed

  • Sede do Bankia em Madrid
auto auto

 

Os bancos espanhóis estão hoje em queda após o Supremo Tribunal ter decidido que caberá aos bancos o pagamento do imposto quando constitui uma hipoteca num crédito.

Até ao momento, como acontece em Portugal, é o cliente que suporta os impostos quando contrata um crédito, nomeadamente à habitação. O que o Supremo espanhol vem agora afirmar é que como a parte interessada na hipoteca é o banco, uma vez que ela se destina a garantir o empréstimo que concede, caberá à instituição financeira o custo realizado com a mesma.

Após ser conhecida a sentença, a generalidade dos bancos espanhóis cotados acentuou a queda das suas ações, com algumas instituições a cair cerca de 10%. O CaixaBank, que em Portugal detém o BPI, e o Bankia são as entidades onde a queda é maior. O Bankia está a cair 9%, o Sabadell 7,57%, CaixaBank, 7,18% e o Bankinter 7,03%.

Com as quedas que se verificam hoje, todos os bancos espanhóis cotados acumulam perdas nas suas ações desde o início do ano. Os únicos que ainda mantinham um dalso positivo eram o Bankinter, o CaixaBank e a Unicaja que após as perdas de hoje, entram também em terreno negativo. conteudos@fleed.pt

 

Os bancos espanhóis estão hoje em queda após o Supremo Tribunal ter decidido que caberá aos bancos o pagamento do imposto quando constitui uma hipoteca num crédito.

Até ao momento, como acontece em Portugal, é o cliente que suporta os impostos quando contrata um crédito, nomeadamente à habitação. O que o Supremo espanhol vem agora afirmar é que como a parte interessada na hipoteca é o banco, uma vez que ela se destina a garantir o empréstimo que concede, caberá à instituição financeira o custo realizado com a mesma.

Após ser conhecida a sentença, a generalidade dos bancos espanhóis cotados acentuou a queda das suas ações, com algumas instituições a cair cerca de 10%. O CaixaBank, que em Portugal detém o BPI, e o Bankia são as entidades onde a queda é maior. O Bankia está a cair 9%, o Sabadell 7,57%, CaixaBank, 7,18% e o Bankinter 7,03%.

Com as quedas que se verificam hoje, todos os bancos espanhóis cotados acumulam perdas nas suas ações desde o início do ano. Os únicos que ainda mantinham um dalso positivo eram o Bankinter, o CaixaBank e a Unicaja que após as perdas de hoje, entram também em terreno negativo. conteudos@fleed.pt

Mais sobre o tema